Dumbo (2019)

Dumbo (2019)

Título: Dumbo
Ano: 2019
Realização: Tim Burton
Interpretes: Colin Farrell, Michael Keaton, Danny DeVito…
Sinopse: Um recém-nascido elefante com umas grandes orelhas, consegue voar e torna-se uma atracção de circo, no entanto tudo muda quando a sua mãe é levada para longe e assim ele e os seu amigos terão de inverter essa situação.

Durante este ano a Disney anunciou que muitos dos seus clássicos de animação seriam transformados em live-action. Dumbo foi dos primeiros a estrear e com a realização de Tim Burton. Em primeiro lugar, tinha um pouco de receio que Burton cria-se “Dumbo” como as suas criações, mas quando vi o trailer, percebi que o desenho se mantinha muito com o original. Esta obra cinematográfica segue os mesmos traços do filme de animação e ainda bem. A história é triste e de cinco em cinco minutos dá uma forte vontade de deixar cair uma lágrima.

Dumbo” ao contrário de outros filmes que renderam um pouco (mais) de dinheiro à Disney como “Cinderella“, “A Bela e o Monstro” e Maleficent“, não conseguiu manter-se no topo como os melhores live-action. Infelizmente não voou alto, e ficou-se por terra, mesmo apesar das fortes circunstância, seja atores como o realizador. Acredito que as gerações mais antigas vão-se sentir mais nostálgicas com este filme, contudo falta aquele je ne sais quoi da magia Disney. O que mais sentimos ausência é de um argumento bem composto, o diálogo com as personagens é fraco e ficou muito para se resolver. Mas nem tudo é mau, “Dumbo” é um filme mediano que apresenta um cenário belo e Tim Burton foi boa escolha para o efeito, sendo dos realizadores mais criativos, contudo esperava mais envolvimento da parte dele em algumas cenas onde havia mais liberdade para a imaginação.

O que podia torna-se num filme emocionalmente mágico e brilhante, deixou ficar na banalidade e quase no esquecimento, se não fosse o já conhecido clássico. Fica-se apenas por aí  e não oferece nada de espectacular. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2

Walt Disney Studios

 

Anúncios

O que esperar de 2019…

O que esperar de 2019…

2018 foi um ano excelente com bons filmes e boa televisão. Avançamos para 2019 e já se espera como grande. No cinema excelentes estreias vão encher as salas e fantásticas séries também são aguardadas. Esta é uma lista do que melhor podem esperar para 2019.

Avengers: Endgame

Depois de um final de partir o coração em Avengers: Infinity War (crítica aqui) é esperado um final épico para os nossos heróis. Ainda muito está em jogo e a guerra ainda não terminou. Capitão América, Homem de Ferro, Viúva Negra, Homem-Formiga, terão de “arregaçar as mangas” e lutar contra o inimigo para recuperarem o que foi perdido. Espera-se muito deste filme.

Dumbo

Tim Burton decidiu adaptar esta história da Disney para live-action. O elefante de orelhas grandes que vive no circo apenas deseja reencontrar a mãe. Aquele que é dos filmes mais tristes, também apresenta um trailer repleto de emoção. Os sentimentos mantém-se e espera-se algo diferente, mas idêntico à obra original.

Aladdin

A Disney está em força este ano. Aladdin será também um live-action do filme animado. Um jovem rato de rua que acidentalmente encontra uma lâmpada mágica e tem todos os seus desejos realizados, consegue conquistar a princesa. Contudo é ameaçado quando descobrem o seu segredo. Ainda com um teaser, adocicou bastante a curiosidade que temos sobre este filme, também já conhecemos o visual de Will Smith como génio.

Rei Leão

Outro dos mais esperados o live-action do filme animado da Disney “O Rei Leão“, um clássico que terá uma nova adaptação. Simba e os outros animais da savana serão retratados com a ajuda das novas tecnologias digitais nesta história recontada e que marcou a nossa infância. O detalhe da cinematografia visual é dos factores mais esperados.

Guerra dos Tronos

O derradeiro final desta fantástica série, está próximo. A última temporada vai estrear em abril. A guerra pelo trono está quase a terminar. Muito se espera desta temporada, e os atores já revelaram que vão existir muitas surpresas. Um final agridoce. Apesar de ser mais pequena a oitava temporada, também os episódios serão maiores, quase como um filme.

Stranger Things

A data de estreia já está marcada. 4 de julho será o lançamento da terceira temporada. Os monstros do mundo inverso vão voltar e cada vez mais fortes. No dia do feriado da independência norte-americana o grupo terá uma nova batalha para defender-se e evitar que os monstros consigam chegar ao mundo deles.

Star Wars: Episódio IX

Ainda sem nada revelado sobre este filme, espera-se um muita ação e aventura. Com estreia a 19 de dezembro de 2019, o confronto entre Rey e Kylo Ren está cada vez mais próximo. Realizado novamente por J.J. Abrams (que tem muito para corrigir) este é o monumental final da saga de Luke Skywalker.

La Casa de Papel

Depois do forte sucesso da série espanhola “La Casa de Papel” a terceira temporada vai chegar à Netflix ainda este ano. Com o mesmo grupo: O Professor, Tokyo, Rio, Denver, Helsinki, Nairobi, Estocolmo e Berlin? O grupo novamente unido para mais  um fantástico assalto que nos vai colar ao ecrã (mais uma vez).

Big Little Lies

Nesta série de mistério e drama da HBO tudo é possível e cada um é o suspeito. Depois do terrível crime, as mulheres vão unir-se para guardarem um segredo em comum. Protagonizada por Nicole Kidman, Reese Witherspoon e Shailene Woodley e agora acrescentaram ao elenco Meryl Streep, tem tudo para ser boa.

The Witcher

Espera-se muito da nova séria da Netflix. “The Witcher” baseada no jogo com o mesmo nome foca-se em Geralt of Rivia, um solitário caçador de monstros que procura o seu lugar no mundo, onde as pessoas são mais desumanas do que as bestas que caça. Protagonizado por Henry Cavill está personagem vai ser o seu novo desafio.

John Wick 3

O último filme do John Wick ou “O Papão” vai estrear este ano. Depois de ser banido do mundo dos assassinos, John tem a sua cabeça a prémio. Sozinho e rejeitado, sem armas nem ajuda, terá que lutar contra todos os seus inimigos, numa guerra que ele próprio provocou. Depois de dois fantásticos filmes, Keanu Reeves volta a ser o protagonista.

Toy Story 4

A Pixar volta a recriar o seu primeiro. Depois de um fantástico terceiro filme (muito difícil será ultrapassar), Tom Hanks e Tim Allen voltam a ser Woody e Buzz Lightyear. No Verão de 2019 este filme vai animar os cinemas, com as personagens que já conhecemos e novas.

Once Upon a Time in Hollywood

 Quentin Tarantino também está a preparar uma surpresa para 2019. Juntou um elenco de luxo: Margot Robbie, Leonardo Dicaprio, Brad Pitt, Dakota Fanning, Kurt Russel e Al Pacino para a sua obra-prima. Durante o reinado de terror de Helter Skelter em Los Angels em 1969, uma dupla tenta vingar no mundo da indústria cinematográfica.

Sweeney Todd: O Terrível Barbeiro de Fleet Street

Sweeney Todd: O Terrível Barbeiro de Fleet Street

Título: Sweeney Todd: The Demon Barber of Fleet Street
Ano: 2007
Realização: Tim Burton
Interpretes: Johnny Depp, Helena Bonham Carter, Alan Rickman …
Sinopse: A história conhecida de Benjamin Barker, a.k.a. Sweeney Todd que ocorre em Londres numa barbearia que é basicamente uma sinistra parceria com Mrs. Lovett. Baseado num espectáculo da Broadway.

sweeney-todd-the-demon-barber-of-fleet-street-3

Já era sem tempo que o teatro musical de sucesso Sweeney Todd conseguisse uma interpretação no cinema. Do cineasta Tim Burton, chega-nos um filme com traços noir, especialmente preparado para criar uma imagem mais cruel e solitária ao trama. Johnny Depp é Benjamin Barker, um simples barbeiro que foi acusado injustamente, por um crime que não cometeu. O Juiz, o homem que o acusou, agiu por inveja pois esperava aproximar-se de Lucy, a esposa do barbeiro. Passados anos, Barker volta a Londres, mas desta vez com o nome de Sweeney Todd, e deseja vingança pelo que lhe fizeram, e pretende recuperar a sua família. É nesta Londres podre, pecadora e suja que conhece Ms. Lovett (Helena Bohan Carter) e juntos tornam-se na parceria mais sangrenta e repugnante de toda a cidade. Nesta obra musical e cinematográfica os atores interpretam com voz e alma as suas personagens exageradas. Sweeney Todd é já um conto conhecido, que surgiu em 1846. Este drama vitoriano, tornou-se imediatamente numa lenda urbana. Já percorreu todas as artes, desde a literatura, teatro, e até cinema.

sweeney-todd-the-demon-barber-of-fleet-street-2

Johnny Depp prova novamente porque é dos favoritos de Tim Burton. A sua genica e genialidade de interpretar qualquer personagem, tornam o seu desempenho bastante carismático.  Depp não está sozinho, Helena Boham Carter assume também um papel mediático e Alan Rickman acompanha com a sua elegante postura e rigidez. As músicas da Broadway recebem um novo timbre e tornam-se mais ilustres nos tons cinzentos da película. Os brancos, pretos e vermelhos, são as cores predominantes deste filme. O estilo noir está bastante presente . Não conhecia completamente a história do terrível barbeiro, mas Tim Burton conseguiu um trabalho satisfatório. Não houve momentos parados nem desvios desnecessários. O blogue atribui 3,5 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2golden_star2

Crítica: A Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares

miss-peregrine-1

Título: Miss Peregrine’s Home for Peculiar Children
Ano: 2016
Realização: Tim Burton
Interpretes: Eva Green, Asa Butterfield, Samuel L. Jackson…
Sinopse: Quando Jacob descobre pistas sobre o passado do seu avô, descobre a casa da Senhora Peregrine para crianças peculiares. Mas depressa compreende porque estas crianças são especiais, quando mostram os seus poderes.

miss-peregrine-3

Tim Burton volta a criar outra obra que reflecte a sua personalidade. A genialidade aliada à excentricidade uma característica sua. Baseado no livro de Ransom Riggs conhecemos a história das crianças peculiares protegidos pela Senhora Peregrine (Eva Green). Neste mundo de fantasia com uma cinematogafia dark acompanhamos uma viagem de auto-descoberta de Jacob. Com duas realidades, a do mundo atual e em meados da II Guerra Mundial, conhecemos as diferentes histórias das personagens e o que as impede de evoluírem, repetindo sempre o mesmo dia. Nesta história de fantasia os vilões também existem e são eles os piores pesadelos das crianças. O que se mantinha como um enredo consistente e interessante, dissipou-se. O argumento mantém a intriga, mas o desenvolvimento de algumas personagens é apenas decepcionante.

miss-peregrine-2

Estou a falar das personagens de Samuel L. Jackson e de Julie Dench (que tanto aparece como desaparece). Pouco interessantes para a profundidade da história. Apesar de adorar a Eva Green, este papel não lhe faz jus, esperava mais dinamismo e mistério da sua personagem. Estas crianças X-Men terão de lutar pela sua vida, sendo que aos poucos vão percebendo o que as torna de especiais. Não tão para filme, mas penso que em série de televisão este conceito seria interessante. Gostaria de ter conhecido mais sobre a história individual de cada um e de que forma descobriram a casa peculiar, já que são poucas as pessoas que desenvolvem estas habilidades. De sabor mediano, este é um filme que condiz bem com a personalidade de Tim Burton, mas o espectador esperava mais. Muito mais. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2

Os meus filmes favoritos para ver no em época Natalícia

Esta a chegar aquela altura do ano em que sabe bem assistir a filmes que nos aquecem o coração, embrulhadinhos numa manta, deitados no sofá a ainda a beber chocolate quente e comer umas bolachinhas. Aqui está a minha lista para fugir um pouco ao típico “Sozinho em Casa“.

Amor Acontece

love

“Love Actually” é aquele filme obrigatório no natal. Comédia simples ao mais alto nível, romance, ternura e espírito natalício. Com um elenco fantástico incluindo Emma Thompson, Alan Rickman, Colin Firth, Hugh Grant e Keira Knightley. O melhor pode acontecer quando menos esperamos. Eu falo por mim, este filme tenho mesmo de assistir todos os anos, sem excepção.

Um Conto de Natal

um-conto-natal

Todos conhecemos a história do antipático Mr. Kruger,. Um homem frio e solitário que na noite de Natal é visitado por três espíritos. O espírito do passado, do presente e o do futuro. Neste filme existe a mensagem sobre o verdadeiro significado o natal. É tempo de paz, família, e amizade.

Nightmare Before Christmas

nightmare before christmas 1

Com dúvida se devemos assistir a este filme no Halloween ou no Natal, eu sugiro que vejam nas duas épocas. Jack Skellington sempre sentiu-se deslocado da sua terra assustadora, não sabia que existia mais além do que conhecia, até que descobre a aldeia do Natal. Luzes, crianças felizes, presentes e sorrisos é tudo o que pode esperar deste novo lugar. Num filme bastante musical e cheio de graça.

Elf – O Falso Duende

elf

Will Ferrel é um humano que sempre viveu com os duendes. Cresceu no Polo Norte ao lado dos ajudantes do Pai Natal, mas agora chegou a hora da verdade e tem de conhecer as suas raízes humanas. Buddy terá que aprender a misturar no planeta terra, tão diferente do mundo que conhecia.

Harry Potter

harry potter

Por mais vezes que apareça na televisão, eu não me importo. Assisto a cada filme do Harry Potter como se fosse a primeira vez. Seja qual for. Aquele espírito de magia paira no ar e Hogwarts faz lembrar aqueles invernos frios.

Frozen

frozen_2013_movie-2048x1536

“Frozen” foi um estrondoso sucesso da Disney. A música “Let it go” foi das mais cantadas nesse ano, sem dúvida. E quem não conhece “Do You Wanna Build a Snowman?“. O frio e a neve faz lembrar o natal. E como se diz que é na maioria das crianças este é um filme que todos adoram. Pode ser over rating mas trouxe novamente aquela magia um pouco esquecida da Disney e das músicas que não querem sair da nossa cabeça.

As Crónicas de Nárnia: O leão, a feiticeira e o guarda-roupa

narnia

Os clássicos de C.S. Lewis ganharam um novo alento quando a sua obra foi lançada no cinema. O primeiro de filme de “As Crónicas de Nárnia” foi o melhor. Quatro irmãos lutam para salvar o destino de uma terra mágica. A rainha de gelo está a fazer de tudo para que não consigam cumprir a missão. Este é um filme mágico e bonito para esta época.

Feliz Natal Charlie Brown

charlie-brown

Todos os anos pode ser a mesma coisa, mas todos os anos tem sempre um novo encanto. O natal de Charlie Brown é dos filmes mais vistos nesta época e é tão lindo. Ideal para assistir na manhã de Natal, vale mesmo a pena.

Charlie e a Fábrica de Chocolate

charlie

Johnny Depp é a estrela deste filme de Tim Burton. E qual a melhor época para comer chocolate? O Natal of course. Willy Wonka o dono da majestosa fábrica de chocolate deseja encontrar o seu sucessor, mas esse será um trabalho árduo e só alguém com bom coração pode ser o grande sortudo. Um filme que faz crescer a água na boca.

Que Paródia de Natal

parodia-natal

O Natal é uma época de paz e convivo, mas para a família Griswold nada disso aconteceu. Num filme divertido liderado por Chevy Chase (quando atingia o auge da sua carreira de ator de comédia) conhecemos uma série de desgraças que vai mudar para sempre esta época que prometia umas férias tranquilas.

 

 

Crítica: O Estranho Mundo de Jack

The_nightmare_before_christmas_poster

Título: The Nihtmare Before Christmas

Ano: 1993

Realização: Henry Selick

Sinopse: Jack Skellington é o Rei das Abóboras na cidade de Haloween. Ele está aborrecido de repetir sempre as mesmas coisas todos anos para celebrar a Noite das Bruxas. Certo dia, por acaso, ele descobre a cidade do Natal e fica tão impressionado com a ideia do Natal, com a alegria, com a música e com a boa disposição que os seus olhos contemplam…! De regresso a casa, Jack conta a toda a sua cidade que viu, mas aí, nem ele nem ninguém é capaz de perceber realmente o espírito do Natal. Jack continua inquieto até que certa manhã, uma ideia genial e diabólica apodera-se de todo o seu entusiasmo: este ano, irá ele ser o Pai Natal e toda a cidade de Halloween ficará encarregue dos preparativos da quadra. (Fonte: Sapomag).

nightmare before christmas 1

This is Haloween, this is Haloween” é difícil fazer esta crítica sem cantarolar um poquinho. A canção fica no ouvido. Continuando, nunca percebi se este filme é mais indicado ver na época festiva do Haloween ou se no Natal, por isso vi em meados de Novembro, que fica mesmo ali no meio. Mas após ver esta obra-prima percebi porque já é caracterizado num clássico e como tal pode ser visto em qualquer altura. Posso dizer que este filme surpreendeu-me bastante, é mesmo delicioso de ver. Começa musicalmente na terra onde pregar sustos é normal, em que Jack é o Rei das Aboboras, e após um Haloween que demoraram um ano a preparar, sente-se deprimido, e procura de algo mais. Encontra-o quando se perde e abre a porta da aldeia do Natal. Aí tudo muda e um novo mundo abre-se na mente de Jack, faz de tudo para a sua vila adoptar o feriado do Sandy Claws (Santa Claus/Pai Natal). Num filme bastante divertido, cheio de monstros e monstrinhos de todos os tipos, e com músicas a acompanhar num estilo noir mesmo como a marca de Tim Burton.

nightmare before christmas 2

Devo dizer que tudo neste filme é pensado ao pormenor, completamente cheio de engenho. As músicas minusculamente bem escritas, ficam facilmente no ouvido. As personagens são todas dotadas de interesse o mesmo se pode dizer da produção em geral em que pequenos bonecos de plasticina ganham vida. Este é um filme intemporal, ideal para todas as idades em que ninguém fica indiferente. Criativo, mágico, divertido e imprevisível é assim como classifico “O estranho mundo de Jack“. O blogue atribui 4 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2golden_star2