Era uma vez

Um final feliz…

Adam Horowitz e Edward Kitsis criaram em conjunto esta série. E se as personagens que conhecemos dos contos de fada eram reais no nosso mundo? Em 2011 a emissora da Disney, ABC, aceitou o projeto. As várias personagens dos filmes que conhecemos de animação, finalmente estariam todas juntas numa só história por contar. Durante sete temporadas acompanhamos os protagonistas na sua jornada contra o mal. Mas como conseguiram aglomerar tanta personagem numa só série? Sem esquecer que somos invadidos por vários locais fictícios como: A Terra do Nunca, O País das Maravilhas, Arendelle e Oz. No centro da narrativa temos Emma Swan, uma mulher solitária que vive aborrecida com o seu dia-a-dia. No dia do seu aniversário recebe uma inesperada surpresa. Um rapaz chamado Henry, assume ser seu filho e entrega-lhe o livro “Once Upon a Time“. O menino acredita que Emma é a única que pode libertar as personagens dos contos da fada de uma maldição que lhe fez perder a memória, e viverem como pessoas normais sem magia. É nesta viagem de descobrimento que Emma decide visitar Storybrooke, a cidade onde estão presentes todas essas personagens.

Imagem relacionada

Durante 7 temporadas e 155 episódios acompanhamos as aventuras dos protagonistas dos contos de fadas como Branca de Neve, O Príncipe Encantado, A Rainha Má, Peter Pan, Bella, Capuchinho Vermelho, Elsa e Ana, Cruella de Vil, Sininho, Rumpelstiltskin, entre outras personagens e cada uma à procura do seu final feliz. Depois de uma primeira temporada muito boa, em que cada episódio apresentava uma história secreta de cada personagem. A continuação da série manteve-se desgastada, com narrativas repetitivas e personagens pouco carismáticas. Para a lista dos melhores episódios da série podes ver aqui.

O elenco original saiu no final da sexta temporada e era por aí que a série devia terminar. Mas não. Assim sendo, na sétima e última houve a necessidade de criar uma nova história com novas personagens, mas ainda com ligações ao enredo principal que conhecíamos. A repetição dos acontecimentos foi cansativo e desmotivante para adorarmos as novas personagens.

once upon a time s GIF

Apesar de já conhecermos o enredo dos vários filmes de animação da Disney. Em Once Upon a Time houve a necessidade desnecessária de redimir as maldades dos vilões e torna-los bons. Ora essa deixa era desapropriada. Apesar dos vários favoritismos e previsibilidade tornou-se numa série de fantasia com um conteúdo novo e interessante. Um crossover com imensas personagens que já conhecemos das histórias e dos filmes da Disney, nomeadamente a Mérida, Mulan, Elsa e Anna de “Frozen“. Concluindo esta série televisiva apresentava um plot interessante, mas com o tempo desgastou-se e apresentou falhas irreparáveis. Nem o episódio final conseguiu recuperar a glória perdida.

Séries que ando a ver – Parte 2

Neste post vou fazer um update sobre as séries que ando a ver ultimamente. Saem umas, entram logo outras. Nesta lista excluí os animes, entretanto depois também posso fazer um post sobre esse tema. Também aqui só estão as séries que de momento está no ar a temporada, ou então as que eu estou a seguir e que já terminaram.

Series que ando a ver-3

The Walking Dead – Já sigo há imenso tempo esta série e não é agora que vou parar. Aliás já me afeiçoei às personagens e não é agora que as vou largar. A história ainda consegue ser interessante, apesar de não concordar com muitas das decisões. Pobre Carl.

The Originals – Esta é recente, ainda só comecei a vê-la há uma semana. O spin-off de Os Diários do Vampiro, mantém o mesmo carácter sobrenatural, mas não tão adolescente. Soube que vai terminar este ano, mas ainda tenho muito para ver antes de aí chegar.

Once Upon a Time – Na minha opinião esta série já deu tudo o que tinha para dar. Nada de novo tem surgido nesta nova temporada. A maioria das personagens saíram e entraram outras novas. Ainda a continuo a ver porque tem aquele carácter de fantasia e é da autoria da Disney.

Anatomia de Grey – O meu guilty pleasure de fim-de-semana. Mesmo após anos a ver esta série, ainda consegue fascinar-me. O elenco não é tão forte como o das primeiras temporadas, mas lá se mantém.

Empire –  Comecei a seguir esta série nas férias do ano passado. Ultimamente não tem dado uma para a caixa. A narrativa dos episódios é cansativa e as personagens com histórias desinteressantes. Espero que termine nesta temporada. O que vale é a banda sonora que continua cinco estrelas.

Series que ando a ver-1

Narcos – Segui as duas temporadas anteriores, mas esta está a demorar mais a arrancar. Como os episódios são demoradas, por vezes é difícil conciliar o tempo. A história baseada em eventos reais é fantástica e até conseguem uma qualidade cinematográfica em cada episódio. A não perder.

This is Us – Adoro dramas familiares, mas This is Us não é uma série comum. Consegue por os nossos sentimentos à flor da pele. Acreditem quando vos digo que passo o episódio inteiro com lágrimas nos olhos. Aguardo sempre todas as semanas por um episódio novo.

Supernatural – Estes dois já passaram por tudo e eu estive sempre a acompanhar os bons e maus momentos durante estes anos todos. A série ainda se mantém muito devido aos fãs, mas os argumentistas fazem um bom trabalho com a qualidade dos guiões.

Gotham – Confesso que já começo a ficar cansada desta série. A história demasiadamente apressada e vilões aos molhos, danifica a qualidade da narrativa. Ainda continuo porque estamos a falar do Batman. Tenho cá para mim que não vai durar muito mais.

Rescue Me – Esta série já terminou. Comecei a vê-la porque lembro-me de assistir a alguns episódios na televisão e gostar. Contudo como não é muito popular, apesar das sete temporadas que teve só consigo vê-la online e nem sempre é fácil encontra-la. Por isso estou atrasada, já que comecei a vê-la há um ano.

Series que ando a ver-2

Sabrina a Bruxinha Adolescente – Esta série de 20 minutos é a minha felicidade antes de ir dormir. Um episódio de Sabrina anima o dia por mais crappy que tenha sido. Vi isto em miúda, mas a qualidade mantém-se. Adoro as piadas do gato Salem e o humor maduro da protagonista.

Ficheiros Secretos – Esta série vão assistindo quando posso. É um tapa-buracos, posso assim dizer. Quando não tenho nada para ver assisto a um episódio de X-Files, já que os episódios não seguem uma história linear, mas sim casos diferentes. Se continuam a fazer mais temporadas, por este andar nunca mais termino.

Dois Homens e Meio – Uma série de comédia que também gosto muito. Como estou naquela parte em que saiu o Charlie Sheen tem sido um pouco complicado de arrancar. Fiz uma pausa para começar um anime, e ainda não arranquei. Mas este ano tenho de terminar.

 

Os melhores casais da televisão 2016

A chegar o dias dos namorados, o BeautifulDreams preparou um post especial para marcar o dia, com os Melhores Casais de 2016 da Televisão. O amor está no ar e está lista é das melhores formas de o provar. Fiquem então a conhecer os parzinhos que fizeram ou fazem derreter a nossa tv.

Snow e Charming [Once Upon a Time]

snow-charming

Estes são daqueles casais do para-sempre. E mesmo os próprios atores que são um casal na vida real parecem que vivem mesmo esse conto de fadas. Snow e Charming de Once Upon a Time já tiveram muitos obstáculos no seu amor durante a série. Já se separaram, perderam a memória e até quase morreram, mas a paixão prevalece. No entanto nesta última temporada a Evil Queen fez das suas quando amaldiçoou o casal com o feitiço do sono. Um beijo desta vez não resulta e sempre que um está acordado o outro está a dormir. Como se vão safar desta?

Jack e Rebecca [This is Us]

jack-rebecca-this-is-us

Um dos meus casais favoritos deste ano. Jack e Rebecca da nova série “This is Us” são mesmo uma ternura. Juntos riem-se, fazem palhaçadas e mais importante estão lá um para o outro, sempre. Jack é um marido paciente, descontraído e cheio de energia. Rebecca é mais responsável, organizada e dinâmica. Juntos têm três filhos, que não é nada fácil de gerir. Não quero ver o episódio da morte de Jack, vai ser demasiadamente doloroso para mim.

Naho e Suwa [Orange]

suwa-naho

Um anime para a minha lista. Não me venham com conversas, eu sou team Suwa. Nada de Kakeru, não há paciência para os seus problemas. O Suwa é que é um querido e nunca escondeu o seu amor por Naho. Abdicou disso mesmo só por causa das tendências depressivas de Kakeru. Além disso foi demais quando Kakeru pediu a Suwa para comprar um ramo de flores para Naho para este lhe oferecer. Pobre Suwa ainda tinha de estar a fazer favorzinhos. Gosto mais deles na versão do futuro e ainda bem que vai sair um spin-off da história destes dois.

Luke e Lorelai [Gilmore Girls: A Year in a Life]

luke-lorelai

Ainda vou na quarta temporada de “Gilmore Girls” e por isso ainda não tive oportunidade de ver a “A Year in a Life“. Mas pelo que estou a ver o mais-que-tudo de Lorelai só pode ser Luke. Sem dúvida. A forma como gozam com as mais diversas situações, a personalidade parecida, a arreliação com o outro e as private jokes, além disso são sempre disponíveis um para o outro. Por isso conseguem-se manter nesta lista, devido ao bem que fazem como casal.

Maggie e Gleen [The Walking Dead]

glenn-maggie

Este casal nunca teve sossego. Num mundo pós-apocalíptico é quase difícil de acreditar no amor. Mas isso não devia acontecer. Passaram por tudo mesmo, mas mesmo assim casal manteve-se forte. Separaram-se e reencontraram-se. Iam agora ser pais, mas o destino trouxe Negan e Lucille que se meteu no caminho de ambos. Mas não quero falar sobre o assunto.”I´ll find you” foram as últimas palavras de Glenn a Maggie, uma forma de dizer que apesar de tudo vai para sempre estar junto dela.

Claire e Jamie [Outlander]

outlander

Este é uma amor que não se deixa abalar por épocas, anos e séculos. É sempre uniforme. Este é provavelmente dos casais mais românticos da televisão. Compreendem-se e confiam um no outro. Não há dúvidas. Fazem o que for para manter essa paixão, amam-se para sempre e não há limites. São pacientes e por isso também apaixonam os telespectadores da série “Outlander“.

Emma e Hook [Once Upon a Time]

Colin O'Donoghue Jennifer Morrison Captain Hook Emma Once Upon A Time OUAT S02E05 OUAT

Este casal tinham tudo para não ficarem juntos. Mas mantiveram-se fortes numa relação sem futuro. Hook faziam parte dos vilões quando conheceu Emma, a salvadora. Juntos compreendem-se um ao outro, nem sempre tiveram a vida facilitada e do passado escondem mágoas. Contudo juntos são perfeitos. Mesmo nesta última temporada quando Emma começou com os tremores, foi Hook quem mais lhe deu força para continuar. Estes protagonizam os momentos mais românticos da série e nem a morte dos separou.

 

Onde está a Cinderela?

Não vou contar a história, porque todos já a conhecem. Cinderela é das histórias dos contos de fada mais conhecidos. Talvez devido às suas milhares de adaptações. Fica a conhecer a lista da Cinderela representada na televisão e no cinema.

A Gata Borralheira (1950)

O clássico de animação da Disney, levou a companhia a outro patamar. Chegou o tempo da fantasia e a vontade de sonhar aumentou. A obra ganhou sucesso e ainda hoje esta Cinderela faz parte da nossa infância. O vestido azul do baile, a dança e o sapatinho de cristal, ainda fazem suspirar muitas meninas.

Cinderela_Disney

 

Para Sempre, Cinderela

Em 1998, Drew Barrymore era a protagonista deste filme de romance. Esta é uma história “mais verdadeira” do clássico dos contos de fada. Os nomes podem mudar, mas a história mantém-se e nem a madrasta má pode destruir a felicidade de Danielle.

Para Sempre Cinderela

 

A História da Cinderela 2

Num tom ainda mais moderno e com dança à mistura, Selena Gomez em 2008 é outra Cinderela do cinema. Num baile uma dança pode mudar uma vida, mas o pior é saber a identidade um do outro. Um romance juvenil cheio de peripécias.

another cinderella story

História da Cinderela: Era uma vez uma canção

Não admira que confundam Selena Gomez com Lucy Hale, afinal tiveram as duas o mesmo papel de Cinderela. Em 2011 chega-nos este filme musical. Também este filme foi realizado para ser uma forma mais moderna do conto.

Cinderella Story_once upon a song

Cinderella Monogatari

Desta animação já vos falei aqui. A versão animada da história da Cinderela é bastante divertida (estou-me a lembrar do episódio em que o príncipe se transforma num cavalo) e repleta de momentos românticos (estou a lembrar-me do episódio do homem do violino). Marcou uma geração e até ao momento não houve outra animação com o  tema.

Cinderella.Monogatari_Cover

 

A História da Cinderela

Hilary Duff é Sam, neste filme de 2004, uma jovem que vive sobre a influência da malvada da sua madrasta, no entanto só uma coisa a faz sentir feliz, o Baile de Mascarados do Halloween. Chad Michael Murry também está no elenco.

A cinderela Story

 

Nos Caminhos da Floresta

Neste filme de 2015 musical, Anna Kendrick foi a escolhida para ser Cinderela. Numa história pouco convencional, juntamos diferentes contos. Cinderela apenas quer chegar ao baile, mas acaba por ter de oferecer o seu sapatinho à mulher do padeiro, a partir daí nada corre bem.

INTO THE WOODS

 

Once Upon a Time

Na série de fantasia Once Upon a Time, a Cinderela também apareceu. Numa história que também junta todos os contos de encantar foi logo na primeira temporada que a vimos. Não teve um papel com grande destaque como pensava.

Cinderela_once upon a time

Cinderela (2015)

Em 2015 a Disney fez um live-action da animação do filme Cinderela de 1950. O resultado é idêntico ao original. O vestido é absolutamente fantástico, preenchido com cristais Swarovski. Lily James interpretou a protagonista que nos ensina a sermos bondosas e a acreditar que todos os sonhos podem concretizar-se.

cinderela

Também que quiserem, podem ver as adatações da Branca de Neve.

As séries que ando a ver…

À noite antes de ir dormir, não há nada que me console mais depois de um dia de trabalho do que ver um episódio de uma série . Na verdade acho que já não adormeço sem ver um. Tenho séries que acompanho durante anos e outras mais recentes, mas prefiro ver séries que já terminaram, porque assim estou à minha vontade em ver os episódios seguidos. Recentemente terminei de ver Angel, tal como falei aqui. Na minha lista tento variar o mais possível de género: drama, comédia ou sobrenatural, não gosto de focar-me apenas num tema como podem verificar.

1

Continue reading “As séries que ando a ver…”

O estilo da Evil Queen

A atriz Lana Parrilla quase parece uma deusa quando desfila com elegância nas suas roupas gloriosas de Evil Queen na série “Once Upon a Time“. Seja vestidos, ou calças com conjunto de casacos compridos nenhum pormenor é deixado em claro.  Cores escuras, combinadas com majestosos padrões e brilhos tornam o guarda- roupa da personagem invejável. Nada é repetido e ainda bem porque o outfit consegue sempre surpreender. O lado mau também tem estilo.

As séries renovadas da ABC

Chega a hora de começar a escolher quais as séries que continuam no ar e as que não. Indecisões dos canais, que pode provocar o agrado ou desagrado dos fãs. A ABC avançou com a sua lista de séries televisivas para o ano de 2017. Das escolhidas estão: Anatomia de Grey, Scandal, How to Get Away with Murder, Marvel Agent’s of S.H.I.E.L.D., Once Upon a Time, Quantico e Modern Family.  Apesar de este ser o canal que mais se atrasa na lista oficial das renovações (costuma apenas lançar a bomba em Maio), este ano antecipou-se. Segundo Channing Dungey, diretor da programação “Sentimo-nos muito orgulhosos da nossa força, e estamos felizes pela chegada de uma nova temporada mais criativa.”

Untitled design (1)

Ideias para o Carnaval 2016

O Carnaval está a chegar meus amigos. E já pensaram na indumentária a utilizar neste dia? Bem se não, não é caso para desesperarem, o beautifuldreams tens boas ideias. Ora fiquem atentos a estas sugestões. O melhor que está para abrir em 2016.

 

Star Wars

A febre de ‘Star Wars’ ainda continua. Com um número infinito de personagens, podemos ser quem quisermos. Desde Kylo-Ren, a Rey ou até Chewbacca (para não apanhar frio). Podemos juntar a nova geração, com a anterior, de certeza com uma máscara de ‘Star Wars’ fazemos sucesso.

star wars

 

Inside Out

O filme de animação da Pixar, surpreendeu pela positiva. Conhecemos as emoções que habitam em nós: alegria, tristeza, medo, repulsa e raiva. Esta é uma divertida escolha para o Carnaval e então se for em grupo ainda é mais engraçado.

inside out

 

Once upon a Time

A série dos contos de fada, esta temporada tem uma tonalidade mais dark. Além das personagens que todos nós conhecemos como o capuchinho vermelho, a branca de neve, o príncipe encantado e a bruxa má, desta vez também a Dark Emma pode ser uma opção para um Carnaval divertido.

once upon a time

 

O Renascido

O filme do Leonardo DiCaprio, pode ser dos grandes vencedores da noite dos Oscares, além disso este filme de Alejandro González Iñárritu é inovador, mas baseado em factos reais. E como costuma estar frio no Carnaval, esta parece ser uma ótima opção.

revenant

 

Perdido em Marte

Um dos temas este ano é a ficção científica, daí que “The Martian“, outro dos melhores filmes do ano é a minha sugestão. O sucesso que iam fazer andar mascarados de astronautas, não se vê muito.

TheMartian

 

Batman V Superman

Um dos filmes mais esperados de 2016 é de super-heróis. Podem escolher entre o Batman e o Super-Homem, mas não só. Qualquer herói é válido o que importa é que se divirtam. Toda a gente vai querer tirar fotografias.

batman v superman

Harry Potter

Este ano vai estrear a prequela do filme do feiticeiro Harry Potter, ‘Fantastic Beasts and where  to find them‘. Com um manto, e uma varinha, ninguém fica indiferente. Todos conhecemos Harry Potter, após 8 filmes. Como é Carnaval e ninguém leva a mal, podem lançar uns feitiços.

harry potter

 

Suicide Squad

Os vilões também estão na moda. ‘Suicide Squad’ são os vilões mais fixes e vão invadir as salas do cinema este ano. Harley Quinn, Joker, Deathshot, são algumas das personagens que podem ir mascarados.

suicide squad

 

Sherlock

A série de sucesso da BBC também é uma das possibilidades. Para o Carnaval fica aqui a sugestão de nos vestirmos à época. O último episódio de Sherlock, ‘The aboniable bride‘ ficamos a conhecer os protagonistas num ano diferente.

sherlok

“Era Uma Vez” a quinta temporada

O seguinte texto pode conter spoilers

A quinta temporada da série “Era Uma Vez” (título português) começou com um twist diferente. Após a última temporada abordar os temas bom/mau, luz e escuridão, o último episódio surpreendeu. A protagonista, Emma Swan (Jennifer Morrison) sacrificou-se para ajudar o grupo e tornou-se na nova Dark One, o mais poderoso usuário de magia das trevas. Com o episódio “The Dark Swan”, percebemos que Merlin é o único mago capaz de ajudar Emma a libertar-se da escuridão dentro dela. Com esse objectivo, seguimos os protagonistas numa viagem para um novo reino das histórias de encantar. Camelot, a terra do Rei Arthur, Lancelot e dos Cavaleiros da Távola Redonda. No entanto nem sinal de Merlin, que segundo a lenda há anos que está preso numa árvore, e só a magia mais poderosa  o poderá libertar. Os criadores da série Adam Horowitzn e Edward Kitsis surpreendem quando tornam personagens heróicas em vilões, já o tinham feito com Peter Pan na Terra do Nunca, e voltaram a fazê-lo com o Rei Arthur.

[LER MAIS]

once upon a time