Saltar para o conteúdo

Etiquetanatalie portman

Música a Música

Dois interessantes triângulos amorosos. Obsessão, traição montado nos bastidores da música em Austin, Texas.

Crítica: Jackie

Seguindo o assassinato do Presidente John F. Kennedy, a Primeira-Dama, Jackie Kennedy luta contra o trauma e o luto, tentando recuperar a fé, consolando os seus filhos e mantendo o legado do seu marido.

Where The heart is-blogbeautifuldreams

Crítica: A voz do coração

Novalee Nation (Portman) é uma adolescente grávida de 17 anos que parte em viagem com o seu namorado (Bruno), que a abandona num “Wal-Mart” em Sequoyah, Oklahoma. Abandonada e apenas com $5.55 no seu bolso, a jovem vive secretamente no hipermercado até ao nascimento de sua filha. Novalee decide então criar a sua filha e reconstruir a sua vida em Sequoyah, com a ajuda de alguns estranhos excêntricos que se tornam seus amigos.

Crítica: Thor 2 O Mundo das Trevas

Thor o lendário deus do trovão tem outros assuntos para se preocupar neste filme, após o julgamento do seu irmão Loki para a prisão, Thor volta a Terra como forma de descobrir o que se passa com Jane, o seu amor humano. E existe mesmo algo de errado com Jane uma força super-poderosa está a tentar controlar o seu corpo. Além da preocupação de Jane, Thor terá de derrotar os Elfos Negros que ameaçaram Asgard. Mas para conseguir vence-los terá de se juntar a quem menos espera, ao seu irmão preso, Loki, numa ameaça que pode destruir a terra.

Crítica: O amor e outras coisas impossíveis

Emilia Greenleaf (Natalie Portman) uma advogada estagiária começa a apaixonar-se pelo seu patrão Jack (Scott Cohen) e rapidamente os dois começam a envolver-se, mas com uma pequena questão, Jack é casado com Carolyn (Lisa Krudow) uma ginecologista de sucesso e juntos tem um filho. Após o casamento de Emilia com Jack o casal tem um bebé, mas infelizmente morre com apenas uns dias de vida. Agora Emilia terá de viver e seguir em frente com essa dor, mas vai “reapreendendo” a amar novamente juntamente com Jack e com o filho deste William, um miúdo de onze anos.