Dumbo (2019)

Dumbo (2019)

Título: Dumbo
Ano: 2019
Realização: Tim Burton
Interpretes: Colin Farrell, Michael Keaton, Danny DeVito…
Sinopse: Um recém-nascido elefante com umas grandes orelhas, consegue voar e torna-se uma atracção de circo, no entanto tudo muda quando a sua mãe é levada para longe e assim ele e os seu amigos terão de inverter essa situação.

Durante este ano a Disney anunciou que muitos dos seus clássicos de animação seriam transformados em live-action. Dumbo foi dos primeiros a estrear e com a realização de Tim Burton. Em primeiro lugar, tinha um pouco de receio que Burton cria-se “Dumbo” como as suas criações, mas quando vi o trailer, percebi que o desenho se mantinha muito com o original. Esta obra cinematográfica segue os mesmos traços do filme de animação e ainda bem. A história é triste e de cinco em cinco minutos dá uma forte vontade de deixar cair uma lágrima.

Dumbo” ao contrário de outros filmes que renderam um pouco (mais) de dinheiro à Disney como “Cinderella“, “A Bela e o Monstro” e Maleficent“, não conseguiu manter-se no topo como os melhores live-action. Infelizmente não voou alto, e ficou-se por terra, mesmo apesar das fortes circunstância, seja atores como o realizador. Acredito que as gerações mais antigas vão-se sentir mais nostálgicas com este filme, contudo falta aquele je ne sais quoi da magia Disney. O que mais sentimos ausência é de um argumento bem composto, o diálogo com as personagens é fraco e ficou muito para se resolver. Mas nem tudo é mau, “Dumbo” é um filme mediano que apresenta um cenário belo e Tim Burton foi boa escolha para o efeito, sendo dos realizadores mais criativos, contudo esperava mais envolvimento da parte dele em algumas cenas onde havia mais liberdade para a imaginação.

O que podia torna-se num filme emocionalmente mágico e brilhante, deixou ficar na banalidade e quase no esquecimento, se não fosse o já conhecido clássico. Fica-se apenas por aí  e não oferece nada de espectacular. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2

Walt Disney Studios

 

Anúncios

Crítica: Miss Julie

Miss Julie é um filme teatral realizado por Liv Ullmann, com as ilustres participações de Jessica Chastain e Colin Farrell. Baseado no clássico de August Strindberg, aborda o amor proibido entre diferentes estatutos sociais. 

Estamos na Irlanda em 1880, é evidente o calor que se faz sentir naquele dia de Verão. Esse é o principal culpado dos diálogos sedutores e provocadores que assistimos durante todo o filme. No centro da história, temos Julie e John, o mordomo do pai dela e noivo de Katherin, a cozinheira da propriedade rural. Durante uma noite, este trio amoroso vai pôr à prova os seus sentimentos mais profundos, liderados pela luxúria e atração. Em clima de festa, divertem-se –dançam, bebem e contam os seus segredos mais íntimos.

[Continuar a Ler Mais]

CP_reviewcmissJulie_destaque