Mente Brilhante

Mente Brilhante

Título: Gifted
Ano: 2017
Realização: Marc Webb
Interpretes: Chris Evans, Mckenna Grace, Lindsay Duncan…
Sinopse: Frank, um homem solteiro, cria a sua sua sobrinha, Mary uma menina prodígio. Tudo muda quando começa uma batalha de custódia pela criança.

Não. Chris Evans não é só o Capitão América, também consegue ser um excelente ator em filmes com uma grande carga dramática. “Mente Brilhante” capta a nossa atenção com a pequena Mckenna Grace, protagonista deste drama. Contudo o seu grande pilar é o ator Chris Evans que substitui o pai da menina prodígio. Mckenna Grace é Mary, uma menina com um discurso fluente e uma habilidade especial muito acima da média. Não gosta da escola porque a considera aborrecida, mas é obrigada a frequentar o ensino para socializar mais com crianças da sua idade. Logo é descoberta pela professora como uma menina com um intelecto racional superior. Proveniente de uma família problemática, Mary vai tornar-se no centro das atenções de uma luta de custódia, entre o tio com quem sempre viveu, e a avó que ambiciona outro futuro para a menina.

O argumento consegue apresentar-se como algo sustentável e logo ficamos apaixonados pelo discurso fácil da pequena Mckenna Grace, que se apresenta bastante madura neste filme. A química entre ela e Chris Evans é evidente e facilmente conseguem passar por ser uma família. O realizador Marc Webb conseguiu captar toda a emoção familiar e os obstáculos com um prodígio. As dificuldades sociais e o futuro incerto são repercussões que acompanhamos durante toda esta longa metragem. Apesar do sentimentalismo evidente durante todo o filme, Webb não deixou este cair em situações melodramáticas exageradas. A cena da menina ser deixada num lar de adopção temporariamente é dos momentos que consegue partir o coração.

Concluindo, “Mente Brilhante” é uma produção capaz e sólida, que consegue emocionar o público. Doce e sentimentalista é do melhor com crianças no protagonismo. A sua aura comovente é valorizada com um elenco forte. O blogue atribui 4 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2golden_star2

Anúncios

A Lista dos Ex

A Lista dos Ex

Título: What’s Your Number?
Ano: 2011
Realização: Mark Mylod
Interpretes: Anna Faris, Chris Evans, Ari Graynor…
Sinopse: Uma mulher descobre que conseguiu 19 relacionamentos durante toda a sua vida. Agora pergunta-se se algum deles pode ser o seu verdadeiro amor.

Uma comédia romântica interessante que junta Anna Faris (Scary Movie) e Chris Evans (Capitão América) nos principais papéis. Allyy uma mulher independente não consegue assentar-se num relacionamento. Ao ler numa revista um artigo que o número perfeito para encontrar o homem ideal é de 20 relacionamentos, Ally percebe que já deixou escapar 19 relacionamentos. Só lhe falta um homem para chegar ao número e homem ideal. A protagonista decide procurar todos os seus ex-namorados e descobrir se algum pode ser o tal. Uma típica comédia romântica sobre a procura do amor, que por mais que procuramos não descobrimos que está tão perto de nós. Ambos os protagonistas estão habituados a papéis do género. Aliás foi com interpretações do género que receberam a fama. Entretanto Chris Evans dedicou-se à sua personagem da Marvel, Capitão América, que muito franchise conseguiu, depois de participar neste filme. Sobre Anna Faris casou-se com Chris Pratt (que também aparece neste filme) e que também conseguiu um papel no mundo Marvel, como Star Lord dos Guardiões da Galáxia. Além disso começou na televisão na série de comédia “Mom“.

A lista dos Ex-2

A lista dos Ex” é um filme previsível sobre o final perfeito e a escolha no amor, contudo está bem idealizado e não se torna no típico cliché. Um enredo bonito e um argumento interessante tornam-se nas causas principais para assistir a esta cinematografia. Além disso a química entre os atores é inegável, já que os dois apresentam um perfeito à vontade com o outro. Outra referência interessante é que aqui quase parece uma reunião dos filmes da Marvel, temos os atores Chris Evans, Chris Pratt, Martin Freeman e Anthony Mackie. Com vários nomes reconhecidos pelo género de comédia. Concluindo este é um filme típico de mulher, mas interessante e surpreendente. Um filme de domingo à tarde onde estamos no sofá entre sonecas e mantas. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2