Saltar para o conteúdo

CategoriaFilmes Comédia

Crítica: Ritmo Perfeito

s musicais de adolescentes estão na moda, desde e série Glee que conseguiu milhares de fãs por todo o mundo, passando por High School Musical e agora com o filme Pitch Perfect. A história centra-se em Becca (Anna Kendrick, conhecida pela sua participação em Twiligth e What Execpt when you are Expecting) uma rapariga cheia de talento que chega à Universidade. Obrigada a lá estar pelo seu pai, Becca não tem uma capacidade muito sociável, apenas ambiciona ser uma DJ de sucesso.

50-50 blogbeautifuldreams

Crítica: 50/50

Adam (Joseph Gordon-Levitt) um rapaz perfeitamente vulgar, tem um trabalho estável e uma namorada que ama, porém devido a umas dores nas costas decide ir ao médico. A partir daí descobre que sobre de uma das doenças mais mortais da Humanidade, o cancro.

Crítica: Easy A

asy A conta-nos a história de Olive Penderghast (Emma Stone) uma adolescente que não tem uma vida social muito atractiva. No entanto tudo isso mudo quando vê-se obrigada a mentir sobre a sua vida sexual. Depois da mentira sobre a perda da sua virgindade se espalhar por toda a escola, Olive vê a sua vida paralela à de Hester Prynne, em “A Letra Escarlate” (Adultery), um livro que está a estudar atualmente na escola. Porém a jovem decide tirar proveito da sua má fama, recebendo bens por cada mentira, avançando assim na sua vida social e financeira. Porém quando a sua imagem começa a degradar-se, e a perder amigos, Olive toma atitude de acabar de vez com os boatos a seu respeito. Mas como acabar com algo deste género?

Crítica: Crazy, Stupid Love

Estava tudo bem na vida de Cal Weaver (Steve Carrel), tem dois filhos que adora, uma casa paga, um emprego rentável e é casado com uma mulher que ama. Mas tudo muda, quando a sua esposa Emily (Julianne Moore) confessa que já o traiu com um colega de trabalho (Kevin Bacon) e por isso quer o divórcio.