Saltar para o conteúdo

Crítica: Um Amor Inevitável

Título: When Harry Met Sally… 
Ano: 1989
Realização: Rob Reiner
Interpretes:  Billy Crystal, Meg Ryan, Carrie Fisher…
Sinopse: Harry e Sally conhecem-se à anos, e são mesmo bons amigos. Mas eles temem que o sexo arruíne a amizade de ambos.

Esta é uma daquelas histórias onde boy meets girl, mas a química não existe por serem duas pessoas totalmente opostas. Harry tem as suas próprias ideias, e não gosta que lhe digam o que fazer, acredita na espontaneidade e vive o momento. Já Sally mantém sempre uma postura correta, elegante e sabem bem o quer. Durante o primeiro encontro de ambos, onde ainda eram adolescentes, questionam-se sobre a questão. Será que homem e mulher podem ser amigos sem atração física. Para Harry é impossível, já Sally acredita que pode acontecer. Durante os próximos anos voltam a encontrarem-se várias vezes e o destino arranja sempre formas de os juntar. Mas primeiro uma forte amizade cresce entre ambos. Será que romance vai existir?

Esta é das melhores comédias românticas do cinema. “When Harry met Sally” junta os atores Billy Crystal e Meg Ryan no final dos anos 80, como das melhores duplas do ecrã. Um filme bem construído com excelentes interpretações, sobre uma amor ainda tímido mas com grandes hipóteses de resultar. O argumento bem escrito e muito leve que consegue criar um ambiente bem-disposto durante todo o filme. Acompanhamos o crescimento destas personagens enquanto os anos e as estações do ano passam. Um clássico do início dos anos 90 e final dos anos 80 que ainda está presente nas listas de melhores filmes do género e que sem dúvida vale a pena conhecer.

Concluindo para uma sessão descontraída e divertida é um filme que aconselho. Afinal apresenta o melhor orgasmo interpretado no cinema. Meg Ryan é a rainha e este filme é uma prova da sua época de ouro na sétima arte. Além disso esta é mesmo uma dupla que dificilmente esquecemos. Um filme que explora bem o relacionamento com o sexo oposto e quando passamos de amigos a mais do que isso. Um processo que nem sempre é fácil de abordar. O blogue atribui 4 estrelas em 5.

Rating: 4 out of 5.

beautifuldreams Ver todos

Licenciada em Ciências da Comunicação, adoro escrever e ler. Sou lontra de sofá, amante de filmes e séries televisivas, vejo tudo o que posso. Aprendiz de geek, vivo num mundo de fantasia. Adoro a vida e ainda há tanto para descobrir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: