Saltar para o conteúdo

Crítica: Knives Out – Todos São Suspeitos

Título: Knives Out
Ano: 2019
Realização: Rian Johnson
Interpretes:  Daniel Craig, Chris Evans, Ana de Armas…
Sinopse: Um detective investiga a morte do patriarca de uma família excêntrica e conflituosa.

Uma família disfuncional

Procurem as pistas e não deixem ninguém sair da mansão. O patriarca está morto e o culpado pode ser alguém da sua própria família. Todos querem o dinheiro, mas nenhum se esforça demais para trabalhar. Mas aqui as aparências enganam.

Neste filme policial, seguimos o detective enquanto procura desvendar um assassinato, numa mansão onde todos são suspeitos. Intriga, revolta, desassossego e uma boa dose de humor negro. Uma receita necessária para um murder mystery party.

O início do filme começa com uma grande investigação. Na noite passada o patriarca da família, foi encontrado morto no seu quarto, após o seu aniversário. Naquele local estava toda a família reunida, logo todos são considerados suspeitos. Entre todos o motivo é o único aspecto em comum. O dinheiro. À medida que o filme avança, percebemos que cada um dos intervenientes tem um motivo para assassinar, já que perceberam que tudo ia ficar mais complicado pois não iam receber o sustento financeiro.

Com grandes atores no elenco como Daniel Craig, Chris Evans, Toni Collette e Jamie Lee Curtis, não conseguimos dar destaque a todas as suas personagens, mas a presença de cada uma é notada. Cada elemento desta família é tresloucado e muito egocêntrico, por isso torna-se um filme bastante divertido. Na narrativa misteriosa, típica deste género de filmes, o público é enviado muito repentinamente para a resolução do caso. tal factor acho que devia ser mais ocultado e só descrito no final do filme. Contudo necessitávamos de alguns conhecimentos gerais para a especulação sobre os culpados.

– “It’s a weird case from the start. A case with a hole in the center. A doughnut.”

Benoit Blanc

Os dados estão lançados e seguimos o detective privado Benoit Blanc (Daniel Craig), um pouco distraído, mas que está muito atento aos pequenos pormenores quando resolvemos o caso. Para um filme do género, não desilude totalmente e até se torna satisfatório de assistir. “Knives Out” é um jogo do rato e do gato e que faz falta mais filmes assim ao género de Agatha Christie. O blogue atribui 3,5 estrelas em 5.

Rating: 3.5 out of 5.

beautifuldreams Ver todos

Licenciada em Ciências da Comunicação, adoro escrever e ler. Sou lontra de sofá, amante de filmes e séries televisivas, vejo tudo o que posso. Aprendiz de geek, vivo num mundo de fantasia. Adoro a vida e ainda há tanto para descobrir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: