Saltar para o conteúdo

Crítica: Vai Chamar Mãe a Outra

Título: Baby Mama
Ano: 2008
Realização: Michael McCullers
Interpretes: Tina Fey, Amy Poehler, Sigourney Weaver…
Sinopse: Uma mulher de sucesso empresarial sonha em ser mãe. Contudo descobre que é infértil, por isso contrata uma mulher barriga de aluguer.

A dupla feminina de sucesso na comédia norte-americana, Tina Fey e Amy Poehler voltam a juntar-se num filme. Nesta comédia Fey é Kate uma mulher empresarial que com 37 anos deseja ter filhos. Contudo sem companheiro recorre a uma clínica de fertilidade. Devido a um problema não consegue engravidar, as suas chances são uma num milhão. Decide contratar uma empresa de barrigas de aluguer. Conhece Angie (Amy Poehler) uma mulher distraída e com atitudes infantis que não sabe se cuidar sozinha.

Baby Mama” é uma comédia divertida que consegue surpreender. O típico filme de mulher, mas que debate temas interessantes de uma forma divertida. Fey e Poehler voltam a ser as estrelas principais e tão bem nos sabem fazer rir. A narrativa bem elaborada é frenética e entretém que é o mais importante. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

Rating: 3 out of 5.

beautifuldreams Ver todos

Licenciada em Ciências da Comunicação, adoro escrever e ler. Sou lontra de sofá, amante de filmes e séries televisivas, vejo tudo o que posso. Aprendiz de geek, vivo num mundo de fantasia. Adoro a vida e ainda há tanto para descobrir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: