Saltar para o conteúdo

Crítica: No País das Maravilhas

Título: Phoebe in Wonderland
Ano: 2008
Realização: Daniel Barnz
Interpretes: Elle Fanning, Patricia Clarkson, Felicity Huffman…
Sinopse:Confusa com o mundo que a rodeia, repleto de regras e contra-indicações, uma menina procura as respostas da vida através da sua professora de teatro.

Neste filme de Daniel Barnz é apresentada uma visão muito própria de uma criança especial. Phoebe é uma menina de oito anos que vive num mundo só dela. Faz as coisas à sua maneira onde a imaginação é o limite. Na escola, quando é perturbada sabe defender-se e por isso aos olhos dos professores é uma rapariga problemática. Para ajudá-la na transição da vida está a bizarra professora de teatro que a escolhe para ser a Alice na peça “País das Maravilhas”. Vidrada nesse mundo de fantasia, Phoebe acredita que é a própria Alice, mas a realidade é bem mais difícil.

A protagonista Elle Fanning ainda com 10 anos foi a estrela desta obra cinematográfica. Seguiu as pegadas da irmã mais velha Dakota Fanning e começou como criança no cinema. Apesar de ainda menina Elle mantém uma postura fixa de responsabilidade que a sua personagem tem. Felicity Huffman já nos tinha habituado a personagens maternais (Donas de Casa Desesperadas) e neste filme continua com esse papel de mãe, à beira de um ataque de nervos. O elenco principal completa-se com Patricia Clarkson como professora lunática de teatro, mas que mantém mais sanidade do que todos os presentes.

No País das Maravilhas” é um filme que se foca no vínculo familiar e como é importante para a estabilidade quotidiana das crianças. O refúgio da realidade para a fantasia é apresentado de forma consistente. Nesta obra cinematográfica dramática somos surpreendidos pelo estado de espírito de uma menina que sonha muito alto. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

Rating: 3 out of 5.

beautifuldreams Ver todos

Licenciada em Ciências da Comunicação, adoro escrever e ler. Sou lontra de sofá, amante de filmes e séries televisivas, vejo tudo o que posso. Aprendiz de geek, vivo num mundo de fantasia. Adoro a vida e ainda há tanto para descobrir.

5 opiniões sobre “Crítica: No País das Maravilhas Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: