Saltar para o conteúdo

Crítica: Quem não chora não…ama

Título: Cry Baby
Ano: 1990
Realização: John Waters
Interpretes:  Johnny Depp, Ricki Lake, Amy Locane…
Sinopse: Em 1950 em Baltimore, um bad-boy com um coração mole ganha o coração de uma boa rapariga, de quem o namorado lança uma vingança.

Em tempos quando Johnny Depp era um ídolo adolescente foi o desejo de muitas raparigas. Com o seu ar de bad-boy, conquistava em filmes que faziam transparecer esse seu estilo inconfundível. “Cry-Baby” é um hino a essa fase do ator. Penteado com poupa à Elvis, sem um movimento no cabelo devido ao gel utilizado em exagero, t-shirt branca, calça de ganga e casaco de cabedal. O visual de mauzão que o fez destacar neste filme. Com o género de drama, romance e musical”Cry-Baby” ainda hoje é lembrado nos dias de hoje como um filme icónico. Na altura que foi lançado não atingiu o público necessário, mas atualmente é um clássico de culto que foi expandido para a Broadway e já esteve nomeado para quatro Tony Awards. O realizador John Waters, o mesmo de “Hairspray” exibe toda a sua performance neste filme com muita música e muita dança. O enredo separa o grupo dos delinquentes do grupo dos certinhos e uma história de amor entre dois elementos de status social diferente.

Na sua generalidade o filme não é muito cativante. O argumento é fraquinho e desconcertado da histórias. Já as personagens são pouco intensas e não devem ser muito levadas a sério. Compreendo porque o filme não teve o sucesso pretendido. A demasia das músicas cansa o telespectador que não estava preparado para mais um musical. Além disso os momentos cómicos tornam-se demasiadamente ridículos. Os atores Johnny Depp e Amy Locane são as melhores apostas da produção que tornam este filme mais inquietante. Concluo por dizer que “Cry Baby” é cansativo de assistir e não nos faz pedir por mais. O blogue atribui 2 estrelas em 5.

Rating: 3 out of 5.

beautifuldreams Ver todos

Licenciada em Ciências da Comunicação, adoro escrever e ler. Sou lontra de sofá, amante de filmes e séries televisivas, vejo tudo o que posso. Aprendiz de geek, vivo num mundo de fantasia. Adoro a vida e ainda há tanto para descobrir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: