Saltar para o conteúdo

Crítica: Magic Mike XXL

Título: Magic Mike XXL
Ano: 2015
Realização: Gregory Jacobs
Interpretes: Channing Tatum, Joe Manganiello, Matt Bomer, Adam Rodriguez…
Sinopse: Três anos após o Magic Mike acabar com a sua vida de stripper, ele é relembrado pelos antigos colegas de equipa do poder o entretenimento masculino. Numa viagem por Myrthe Beach para uma última e espectacular performance.

O grupo liderado por Channing Tatum voltou para mais um filme sobre os movimentos sensuais masculinos. A história mantém-se contínua relativamente ao filme anterior. “XXL” tem algumas pontas soltas relativamente à história passada, utilizando apenas uma desculpara para juntar o bando novamente. O elenco mantém-se, as únicas falhas são Matthew Mcconaughey e Alex Pettyfer. Channing Tatum continua como protagonista neste filme que foi baseado na sua vida, ao lado de atores esculturais como Joe Manganiello, Matt Bomer e Adam Rodriguez. Mas a lista de atores não termina aqui, Jada Pinkett Smith e Andie Macdowell juntam-se neste filme ao elenco. Desta vez o enredo muda de rumo, não existe uma procura no amor, mas os entertainer procuram marcar o seu espectáculo como o melhor de sempre, já que consideram ser o adeus do striper masculino, num concurso que junta os melhores dos melhores. “XXL” conseguiu ser mais criativo e original do que o primeiro. A busca da dança, do movimento e do cenário perfeito para a satisfação do público feminino é o principal objetivo deste filme.

“Magic Mike XXL” é bastante mediano, os argumentos são fracos e pouco interessantes, apesar de existir uma tentativa forçada de comédia, não corre bem. Das partes que provavelmente gostei de ver mais foi a dança de Joe Manganiello ao som dos BackStreet Boys e a competição final dos entertaineres masculinos, os “Magic Mikes” souberam mesmo aproveitar as suas melhores qualidades em palco. E novamente Joe Manganiello, neste filme até tivemos uma pequena “mostra” do seu casamento com Sofia Vergara (provavelmente este momento foi dedicado a ela). Concluindo, parece que cada um dos atores conseguiu o seu toque pessoal no filme, que não aquece nem arrefece, mas aquelas danças sensuais são qualquer coisa. O blogue atribui 2,5 estrelas em 5.

Rating: 3 out of 5.

beautifuldreams Ver todos

Licenciada em Ciências da Comunicação, adoro escrever e ler. Sou lontra de sofá, amante de filmes e séries televisivas, vejo tudo o que posso. Aprendiz de geek, vivo num mundo de fantasia. Adoro a vida e ainda há tanto para descobrir.

3 opiniões sobre “Crítica: Magic Mike XXL Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: