Magi: The Kingdom of Magic


162015wswwr114wfwv4zarMagi: The Kingdom of Magic
baseada na manga japonesa de Shinobu Ohtaka e a continuação do anime Magi: Labyrinth of Magic é apresentada como uma história adaptada dos Contos das 1001 noites conhecidos por nós como as histórias do Sinbad, Aladdin e os 40 ladrões. Os nomes das personagens está lá, o que muda é a história de fundo. Esta segunda parte conta com 25 episódios, com 20 minutos aproximadamente cada um. Foi exibido durante 6 de Outubro de 2013 e 30 de Março de 2014, é portanto ainda muito recente. Se estiverem interessados leiam a primeira parte aqui. O final da temporada anterior, o grupo de amigos, composto por Aladdin, Alibaba e Morgiana separa-se, pois cada um tem objectivos diferentes de vida. Aladdin é ainda muito jovem e pouco sabe sobre o seu passado, no entanto como ainda não conhece os seus poderes, inscreve-se na Escola de Magia e aí começa como um novato, mas depressa ultrapassa as dificuldades e conhece novos amigos. Alibaba ambiciona ficar mais forte e controlar melhor o seu recipiente do poder de fogo, vai treinar com os gladiadores. E Morgiana a rapariga do grupo, decide embarcar numa viagem para conhecer o seu passado e o da sua raça, que está praticamente extinta. Decide visitar a sua terra natal como forma de obter respostas. Mas um terrível confronto vai unir novamente os três amigos, com o colidir de uma guerra entre magos e humanos e ainda uma ameaça mais avassaladora está a olhar por cima.

cca780f731e7b0ad4b2958734edc9cf41373990259_full

Nesta parte um rol de novas personagens aparece e a história principal torna-se mais densa e complexa. No início do anime conta a história dos três amigos, e até parece um pouco infantil. Mas o anime atinge a sua maturidade no Kingdom of Magic, onde num pano de fundo vemos uma guerra familiar e um passado obscuro daqueles que tem o dom de usar magia. Como personagens novas conhecemos Splintus, que se torna amigo de Aladdin e Titus, um jovem que parece que leva uma vida perfeita, mas na realidade é um clone de Sherazarde, uma maga ancestral que tem poderes como os de Aladdin. O final deste anime ainda ficou em aberto na esperança da sua continuação, que espero esteja para breve. Este anime não é só fantasia, também são abordados temas morais e étnicos, a sua obscuridade é notória em algumas personagens. Mas não é apenas drama o pilar da animação, também assistimos a momentos engraçados e caricatos. Na minha opinião o que começou com um público-alvo infantil, já que a personagem principal é uma criança, está a crescer para um público mais geral, onde as responsabilidades e escolhas aumentam. É bom assistir à complexidade das histórias e seus participantes enquanto vemos Magi.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s